Busca
Procure por artistas,
obras ou exposições
Paço das Artes
Av. Europa 158
Jardim Europa
CEP 01449-000
São Paulo/SP, Brasil
T 11 2117 4777 r. 413/414

Evento

Temporada de Projetos 2016

Trishacrete e Oficina botânica ordinária

ABERTURA
08 dezembro, 2016 - 19h00
VISITAÇÃO
Até 8 de janeiro de 2017
Grátis
Paço das Artes leva ao MIS mostras sobre performance e natureza

O Paço das Artes --instituição da Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo-- inaugura no dia 8 de dezembro as últimas mostras da Temporada de Projetos 2016: Trishacrete, de Grasiele Sousa e Marina Takami, e Oficina botânica ordinária, de Bruno O. e Victor Tozarin. As exposições ficam em cartaz até 8 de janeiro de 2017 no MIS. A entrada é gratuita.

Em Trishacrete, Grasiele Sousa e Marina Takami propõem a repetição da performance Accumulation (1971), de Trisha Brown, referência na história da arte contemporânea e da dança. As artistas apropriam-se desta coreografia e realizam a reperformance da ação como cover e como releitura. Além das performances, três vídeos de registros destas versões ocuparão o espaço expositivo de forma a reforçar o sentido de acumulação presente na performance de referência.

Enquanto a performance e o vídeo cover correspondem a versões mais elementares da original, a releitura incorpora movimentos retirados das coreografias das Chacretes, dançarinas do famoso programa de auditório apresentado por Chacrinha na TV. O objetivo é, segundo as artistas, levar adiante a tática de deslocamento de repertórios e manter o espírito provocativo de Trisha Brown. “Aproximamos, no território da arte, o gesto das Chacretes – entendido como um tipo de dança brasileira, concebido para o grande público – do gesto cotidiano de Trisha Brown em Accumulation – já deslocado para o universo da expressão artística”, explicam.

Já Bruno O. e Victor Tozarin pretendem transformar o espaço expositivo de Oficina botânica ordinária numa espécie de laboratório temporário de pesquisas sobre a paisagem.

A mostra está dividida em três seções. Na primeira delas, intitulada Breve estudo acerca da paisagem colonial (Jardim Europa), o duo apresenta fotografias, desenhos e objetos sobre o uso de plantas locais e exóticas nos projetos paisagísticos do bairro.

A segunda parede reunirá gravuras produzidas em expedições realizadas com o público no entorno do prédio do MIS, onde o Paço está sediado atualmente, para coletar mudas. “Com isso, pretendemos constituir um herbário de amostras do ambiente circundante, identificando e documentando o crescimento, condições de vida e interações entre os exemplares coletados”, dizem os artistas.

Por fim, na seção Jardins recordados, o duo apresentará uma série de relatos em áudio e desenhos de exemplares botânicos dos arredores da antiga sede do Paço das Artes na Cidade Universitária, onde funcionou de 1994 a março de 2016. “O exercício da coleta de relatos e narrativas de paisagens cotidianas constitui um terceiro acervo de imagens, que se relaciona não ao território em que se insere o MIS, mas ao deslocamento a qual a instituição foi submetida”, explicam.

Atividades paralelas

O Paço das Artes realizará, ainda, atividades paralelas em diálogo com as duas exposições. No dia da abertura, a dupla Bruno O., Victor Tozarin participam de uma visita guiada com Felipe Chaimovich, Maria Montero e Priscila Arantes (diretora artística e curadora do Paço das Artes) às 19h30. Às 20h, Grasiele Sousa e Marina Takami farão a primeira performance de Trishacrete.

No dia 16 de dezembro, às 19h, será a vez da segunda performance da dupla, seguida pelo debate sobre Reperformance com Christine Mello, Grasiele Sousa, Marina Takami, Maurício Ianês e Priscila Arantes (mediação).

Sobre a Temporada de Projetos

A vocação experimental do Paço das Artes é constatada, principalmente, por meio da Temporada de Projetos, que foi criada com o objetivo de abrir espaço à produção, fomento e difusão da prática artística jovem. Concebida em 1996, a Temporada de Projetos teve sua primeira exposição realizada em 1997 e se tornou, ao longo dos anos, um rico celeiro para a cena da jovem arte contemporânea brasileira.

Anualmente, a Temporada abre uma convocatória nacional selecionando nove projetos artísticos e um projeto de curadoria para serem desenvolvidos e produzidos com o respaldo do Paço das Artes. Os selecionados recebem acompanhamento crítico, a publicação de um catálogo sobre suas obras e um cachê de exibição. Desde seu surgimento, quando ainda era bienal (tornando-se anual em 2009), o programa possibilita a emergência de inúmeros artistas, curadores e críticos, muitos deles presentes na cena artística atual.

Em 2014, o Paço das Artes lançou a plataforma digital MaPA: http://mapa.pacodasartes.org.br, concebida por Priscila Arantes, que reúne todos os artistas, curadores, críticos e membros do júri que passaram pela Temporada de Projetos.

SERVIÇO

Temporada de Projetos Paço das Artes

Artistas selecionados: Bruno Oliveira e Victor Tozarin - Oficina botânica ordinária | Grasiele Sousa e Marina Takami - Trishacrete
Júri: Fernando Oliva, Priscila Arantes e Thaís Rivitti
Pré-seleção: Christiana Moraes, Larissa Souto, Mariana Sesma e Priscila Arantes
Abertura: 8 de dezembro (quinta-feira) - 19h
+ Visita guiada com Bruno O., Felipe Chaimovich, Maria Montero, Victor Tozarin e Priscila Arantes – 19h30
+ Performance de Grasiele Sousa e Marina Takami – 20h
+ Lançamento do livro “Outras histórias na arte contemporânea”. Org.: Cauê Alves, Priscila Arantes e Simone Osthoff
Visitação: até 8 janeiro de 2017
Grátis

Paço das Artes no MIS

Av. Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo/ SP; tel.: (11) 2117-4777
Horários: terça a sábado, das 12h às 20h; domingo e feriado, das 11h às 19h
Agendamentos de visitas orientadas: educativo@pacodasartes.org.br
Fale conosco: pacodasartes@pacodasartes.org.br
www.pacodasartes.org.br
http://mapa.pacodasartes.org.br
REALIZAÇÃO

Realização
Fale Conosco | Mapa do Site | Ouvidoria | Transparência | Trabalhe Conosco Design ps.2 | Tecnologia ps.2wcms